Evento será realizado no dia 18 de outubro no Shopping Iguatemi

Os números indicam que as produções sustentáveis e o consumo consciente já são indispensáveis para as marcas que desejam liderar o mercado da moda no futuro. O crescimento do movimento global Fashion Revolution, que em 2018 teve a participação de mais de 90 países, ajuda a mensurar a importância do tema na sociedade. E as universidades, atentas a esse movimento, trazem projetos que reforçam essa necessidade de formar profissionais engajados.

É o caso do curso de Design de Moda da UniRitter, que possui no currículo iniciativas alinhadas com essa demanda do mercado, incentivando a sustentabilidade. Um dos exemplos é o projeto proposto pela coordenadora adjunta Tatiana Laschuk, que desafiou os alunos a criarem coleções de roupas reaproveitando tecidos e matérias-primas. “Buscamos durante todo o curso criar essa consciência social nos nossos alunos. Além do conhecimento técnico, do incentivo a um pensamento inovador, é fundamental hoje para um profissional da moda pensar em soluções sustentáveis. Não abrimos mão disso”, explica.

Os mais de 30 looks produzidos durante o primeiro semestre farão parte do Desfile DNA Sul, que acontece no Shopping Iguatemi dia 18 de outubro, a partir das 19h. O evento ocorre na Praça Erico Verissimo e tem entrada aberta ao público.

Looks

Novas texturas, com bordados não tradicionais, recortes e modelagens diferenciadas e mistura de tecidos e materiais são conceitos que foram explorados pelos alunos. Os projetos desenvolveram uma variedade de peças como roupas infantis, masculinas, femininas e até sem gênero.

Duas estudantes utilizaram, por exemplo, madeiras de descarte de indústria de móveis para montar um mosaico de looks. Os retalhos das malhas ainda foram doados por empresas e o algodão tingido naturalmente. Outro grupo inspirou-se em movimentos da década de 80 e no feminismo para criar roupas a partir de câmaras de pneu, material que leva mais de 600 anos para decompor-se na natureza.

Foram feitas 10 coleções que serão apresentadas no desfile por modelos. Em sua quarta edição, o evento pela primeira vez ocorrerá no Shopping Iguatemi. Tatiana destaca ainda que será uma oportunidade única para os estudantes. “O DNA Sul já tem tradição no meio acadêmico e de moda por revelar ao mercado novos profissionais. É um desfile de grande magnitude e será muito importante aos alunos vivenciarem essa experiência de mostrarem o seu trabalho a um grande público”.