Em outubro, o MECA lança um trio de festivais que promove a junção entre música e arte e resgata a origem da plataforma multicultural ao colocar em evidência novas cenas musicais. O projeto tem início na sexta e sábado (6 e 7 de outubro), na Fundação Iberê Camargo, em Porto Alegre, e segue para o Rio de Janeiro, e para São Paulo, no início de novembro.

Mais do que uma busca por cenários incríveis para abrigar uma agenda vasta que contempla temas como música, arte e conhecimento, o MECA tem como objetivo promover uma troca cultural com espaços que também entendam a arte, a arquitetura e a natureza como ferramentas para melhor compreender o mundo.

Estreante do trio, o MECAIberê tem início às 20h e uma programação musical focada em vertentes da música eletrônica e rodas de conversa sobre temas contemporâneos.

Line-up:

The Shelter (NYC)

Silver City Music (ARG)

Trepanado (Selvagem)

Carrot Green

2 Brothers

Alexandre Moreno (Vorlat)

Ana Paula Posada

Ana Peroni (024)

Coletivo Bronx

Emiliano Jobim

Gabriel Cevallos

Gabto (Vorlat)

João Veppo (Margot)

Juli Baldi

JP (NEUE)

Mari Kruger (Margot)

Mark Daniel

Pedro Moser

Pedro Valério

Rafael Triboli

Vika Schmitz (024)

 

Painéis:

#01: A festa nunca termina, mas se transforma: hedonismo, negócios e ativismo, como equalizar?

#02: Produção cultural como ferramenta de discussão de gênero e representatividade.

 

 

MECAIberê

Sexta-feira e sábado, dias 6 e 7 de outubro, das 20h às 4h

Fundação Iberê Camargo – Av. Padre Cacique, 2.000

Mais informações pelo site http://meca.love/mecaibere/