O Eu Tenho Visto recebeu um convite super especial da agência de viagens Travel Mix para participar do voo inaugural da Cabo Verde Airlines para a Ilha do Sal. A companhia iniciou a operação que liga a capital gaúcha ao Aeroporto Internacional Amílcar Cabral, na última quinta-feira.

Os primeiros 115 passageiros embarcaram para o destino e demais conexões, sendo recepcionados no check-in com espumante e canapés. Nós estávamos entre o grupo de 13 pessoas convidadas e acompanhadas pela Diretora Nádia Kardouss, na área Confort do voo VR670.

Cabo Verde é um conjunto de 10 ilhas no Oceano Atlântico, que pertence à África. O arquipélago fica a 450 quilômetros do continente e tem como idioma local o português, com dialeto crioulo. As praias são LINDAS de água azul turquesa e areia branca, destino perfeito para turistas que buscam sossego, natureza e aventura. E para quem gosta de kitesurf é o local perfeito!

A viagem de sete horas foi tranquila e contou com vinhos produzidos na Ilha do Fogo, em Cabo Verde. Na chegada, os passageiros puderam apreciar de cima um vulcão se erguendo no meio de uma ilha de resto árida e quase sem vegetação.

O aeroporto local é modesto, com um ar retrô. Não há fingers, então todos os passageiros devem apanhar ônibus até o terminal, de instalações espartanas e dotado de um minúsculo duty free com poucas coisas nas prateleiras – basicamentes bebidas, cigarros, doces e perfumes.

Até 20 anos atrás, a cidade principal, Santa Maria, era um lugarejo esquecido e sustentado por imigrantes cabo-verdianos emigrados nos Estados Unidos. De lá para cá, tudo mudou. A Ilha do Sal, hoje, vive de turismo, com uma boa oferta de passeios, atividades e infraestrutura.

Inúmeros resorts de cadeias internacionais foram erguidos ao longo da costa e lotam de turistas europeus que se refugiam do frio nessa espécie de caribe africano (também já se ouve, à beira-mar, variados sotaques brasileiros, cortesia dos voos que a Cabo Verde Airlines já tem a partir de cidades do Nordeste como Fortaleza, Recife e Salvador).

Serão três frequências semanais, com saídas do Sal às quartas e sextas-feiras e da capital gaúcha às quintas e sábados. Será uma opção a mais aos gaúchos, que com conexão na ilha, poderão prosseguir para destinos na Europa, como Lisboa, Paris, Milão e Roma, e também Dakar, no Senegal e Lagos, na Nigéria.

Em breve divulgaremos a nossa experiência de apenas 1 dia no local, que foi INCRÍVEL. Não esqueçam de acompanhar… ETV na África, ETV pelo mundo!

Gabriela Dias e Marcelo Zingalli

Comentar

Preencha seu comentário
Por favor preencha seu nome aqui