No começo de Julho, Lilian Pacce contou sobre a experiência de repetir uma calça e uma blusa durante a semana inteira (5 dias úteis), sem lavar. A experiência deu tão certo, que ela resolveu lançar um desafio: o #1lookporumasemana.

Na semana passada, a Fe Cortez, fundadora do movimento Menos 1 Lixo, não só aderiu ao desafio, como também convidou bastante gente legal para participar. O Menos 1 Lixo nasceu para estimular mudanças de comportamentos individuais por um mundo mais limpo, próspero e sustentável. E consumir de maneira consciente, para gerar menos lixo, é uma das ações fundamentais para a construção desse mundo: quem consome menos, descarta menos.

Mais de 150 bilhões de peças de roupas são fabricadas anualmente pela segunda indústria MAIS poluente do planeta. Atualmente, os consumidores compram o dobro de peças do que compravam há 30 anos. Peças que, em média, são usadas 7 vezes antes do descarte.

Com o desafio #1lookporumasemana, a Lilian Pacce provou que é ok repetir o look. E foi além: repetir o look trabalha a nossa criatividade e, sobretudo, nos faz mais íntimos da roupa.

No dia 24 de julho, o desafio começou com 20 convidados, entre eles: André Carvalhal, Rhaisa Batista, Gabriela Kapim, Vanessa Huguinin, Fe Cortez e Lilian Pacce – que resolveu repetir o desafio junto com a galera do Menos 1 Lixo. Dois dias depois, centenas de pessoas já haviam aderido ao desafio e já compartilhavam suas reflexões. O levantamento do uso do hashtag #1lookporumasemana no Instagram mostra que a tag foi utilizada em perfis públicos mais de 900 vezes e mais de 300 pessoas aderiram ao desafio.

Duas gaúchas foram convidadas, a Jaqueline Pegoraro, da Pegô Conteúdo, e a Tatiana Pedroso, consultora de educação. As duas passaram a semana com o mesmo look, e tiraram vários ensinamentos do desafio.

Tati Pedroso falou que a atividade a fez repensar sobre a indústria poluente da moda, sobre a potência como consumidora em contribuir com um consumo mais consciente e sobre a elegância estar mais vinculada à postura e força interna de transformar nosso meio.

Jaque Pegoraro conta que foi super legal participar e que mudou muito seu modo de pensar e vestir:

– O desafio me fez ver que não precisamos comprar algo só porque é barato… é preciso falar e colocar em prática o consumo consciente.

Para quem perdeu o desafio do dia 24 de julho, qualquer dia é dia para começar! E as regras da Lilian Pacce para o desafio ficar mais suave são:

– Quando você achar que a roupa tá precisando de um up, deixe pendurada no banheiro enquanto você toma banho: o vapor da água quente vai fazer milagre!

– Vale também usar um steamer, mas o ideal é gastar o mínimo de energia e água, então é só em último caso!

– Acessórios, casacos e sapatos são coisas que a gente não lava após cada uso, então pode abusar na troca deles! E se você anda lavando o casaco toda vez que usa… Como assim?! Para agora! Não precisa gastar água desse jeito!

– Escolha bem a roupa: uma saia, por exemplo, pode ser mais versátil para variações de temperatura. Você pode usá-la com meia-calça grossa por baixo num dia mais frio, só com uma blusinha leve e sandália aberta no calor… E se você tem muitas reuniões de trabalho naquela semana, que tal uma camisa?

– O desafio conta 5 dias úteis, mas se você conseguir estendê-lo pro fim de semana, parabéns, melhor ainda!!! A Lilian conseguiu 6!

 

Por Heliene Oliveira