Quase duas décadas depois da publicação de seu best-seller Dez (quase) Amores, em 2000, Claudia Tajes lança agora uma continuação: Dez (quase) amores + 10. A autora realiza uma sessão de autógrafos na segunda-feira (6 de novembro) na Feira do Livro de Porto Alegre.

O livro intercala os primeiros dez quase amores da personagem Maria Ana dos anos 2000, com os dez quase amores de agora. A jovem cheia de ilusões que não estava nem aí para o politicamente correto e que acreditava que, em algum lugar de sua história, haveria um grande amor à sua espera, chegou aos 40 anos. E a vida, claro, não é mais a mesma. Depois de ter casado e descasado, de ter aprendido a ter mais cuidado com o que fala e a ter sérias dificuldades de acreditar nas coisas (o que pode ser traduzido como amadurecer) ela imagina que algo muito bom está para acontecer.

Para Martha Medeiros, que assina o prefácio, “quem mudou nesses dez anos foi Claudia Tajes. Se no primeiro volume de Dez Quase Amores já nos fazia rir com as trapalhadas de sua personagem, agora ela tripudia: é uma gargalhada seguida de outra. Cada vez mais inspirada e com a mão firme para a comédia de costumes, Claudia nos conduz para o maravilhoso mundo da bizarrice romântica e faz do “não dar certo” seu grande acerto literário”.

Lançamento Dez (Quase) Amores + 10, Editora Belas Letras

Segunda-feira, dia 6 de novembro, a partir das 17h30min

Praça de autógrafos da Feira do Livro de Porto Alegre – Praça da Alfândega, Centro Histórico